Itamir, ex-jogador de futebol de salão da Caldense é homenageado em BH

Juliano Dalla Rosa (à direita) recebe homenagem em nome do pai Itamir

No domingo (08/07) aconteceu em Belo Horizonte-MG, no Ginásio do Clube Recreativo Mineiro, um amistoso entre os donos da casa e a Seleção Brasileira Master. O jogo fez parte das comemorações de posse do presidente Roberto Arantes e teve a intenção de homenagear grandes nomes do futebol de salão mineiro, entre eles Itamir Dalla Rosa, ex-jogador da Caldense.

Itamir começou a praticar futebol de salão em 1963 e atuava como fixo. No ano de 1974 passou a integrar a equipe da Caldense e viveu grande parte da época de ouro do clube na modalidade. Foi campeão municipal diversas vezes na década de 70, quando defendeu também a equipe da Alcoa. Chegou inclusive a disputar a final do Campeonato Mineiro em 1980 pela Veterana, que foi superada pelo Olímpicos de Belo Horizonte.

Caldense campeã municipal de 1974. Em pé:Orlando Moraes, Orlando Gaiga, Jorge Cachorrada, Itamir, Galinhada, Ze Mauricio, Rogério, Bene e Sr Vítor. Agachados: Alemão, Marconi, Nilton, Dante, Paquito, Rubita e Mané da Pinta.

Em 1980 teve a oportunidade de enfrentar a seleção do Paraguai em Poços de Caldas. Na época, a única equipe internacional a jogar na cidade. O jogo foi memorável e terminou empatado em 1 a 1. Após muitas glórias, Itamir encerrou a carreira em 1982 devido à desgastes no seu joelho esquerdo. Atualmente vive em Poços com a família.

Caldense 1 x 1 Seleção do Paraguai em 1980

A homenagem, idealizada pelo também ex-jogador da Caldense Rubio Guerra, o Rubinho, teve a intenção de enaltecer pessoas que prestaram grandes contribuições para a categoria, tanto a nível estadual, quanto nacional.

“Foi uma surpresa enorme. Fiquei emocionado em ser reconhecido pelo que fiz no esporte, principalmente por ter sido em vida. Me sinto muito grato e honrado. A Caldense tem uma trajetória muito bonita, foi um celeiro de craques, muitos jogadores marcaram época no futebol de salão do clube. É sempre bom quando alguém resgata a história” – disse Itamir.

Caldense 2 x 1 Atlético-MG pelo Campeonato Mineiro de 1980. Em pé: André, Pagin, Agnaldo, Baliza, Rogério e Thelmo. Agachados: Moraes, Costinha, Nene, Nilton, Jorge e Itamir.

A homenagem foi recebida pelo filho, Juliano Dalla Rosa, já que Itamir não pode comparecer ao evento devido à alguns problemas de saúde. Uma placar comemorativa foi entregue pela Federação Mineira de Futsal através do ex-jogador Jackson.

Itamir, com a neta Maria Fernanda