Caldense enfrentará Ituano em jogo decisivo neste domingo às 11h no Ronaldão

Técnico Marcus Paulo Grippi da Caldense e Vinícius Bergantin do Ituano farão duelo para decidir quem avança na Série D (Foto: Renan Muniz / Caldense)

Após ser superada no jogo de ida por 2 a 1, a Veterana receberá o Ituano no domingo às 11 horas da manhã no Ronaldão, com a missão de reverter a vantagem dos paulistas e avançar para as oitavas de final da Série D. A Caldense precisa vencer por pelo menos um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis ou fazer um placar maior para ficar com a vaga.

O primeiro confronto foi muito acirrado. Os dois times tiveram boas chances de gol. O Verdão levou dois tentos, sendo um deles polêmico, já que os atletas e comissão técnica alviverde alegaram que a falta que originou o pênalti foi fora da área. Entretanto, a equipe verde-branca conseguiu diminuir já nos acréscimos da segunda etapa, para trazer esperanças à nação esmeraldina.

A torcida alviverde promete apoiar o time do começo ao fim e está otimista com um resultado positivo no duelo, assim como os jogadores, que estão confiantes e acreditando na classificação. Quem passar no confronto medirá forças com Vitória-ES ou Brasiliense-DF, que empataram o primeiro jogo em 0 a 0.

Retrospecto
Caldense e Ituano se enfrentaram somente uma vez na história por um jogo oficial, exatamente na partida da semana passada. Na Série D 2019, a Veterana acumula, 7 jogos, 5 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 8 gols marcado e 3 sofridos, sendo a 6ª melhor campanha geral. Mariotto (3 vezes), João Victor (2 vezes), Denílson, Bruninho, João Victor e Nick (gol contra pelo Vitória) são os autores dos gols da equipe no campeonato. Já o Ituano é dono da 12ª melhor campanha geral, somando 7 jogos, 4 vitórias, 2 empates, 1 derrota, 13 gols marcados e 4 sofridos.

A Caldense precisa vencer por pelo menos um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis ou fazer um placar maior para ficar com a vaga (Foto: Renan Muniz / Caldense)

Desfalques
A grande baixa da Caldense é o centroavante Mariotto, que sofreu uma lesão no joelho esquerdo e está fora da Série D. Guly, Calebe e Pablo Tchê Tchê também estão no departamento médico e devem ficar de fora da partida.

Artilheiro Mariotto contundiu o joelho e levará de três a seis meses para voltar aos gramados (Foto: Renan Muniz / Caldense)

Pendurados
Mariotto está pendurado com dois cartões amarelos, assim como o técnico Marcus Paulo Grippi. Já Morais, Artur, Bruninho, João Paulo, Leleco, Gabriel Tonini, João Victor, Lucas Silva, Lucas Mufalo e Felipe Pezzo (preparador físico) levaram um cartão amarelo cada na competição.

Ingressos
Os ingressos para a partida custam 20 reais a inteira e 10 reais a meia. As entradas serão vendidas na sede social da Caldense, Rua Pernambuco 1145, na sexta-feira das 7h às 20h, sábado das 8h às 14h. No domingo os bilhetes serão vendidos somente no Estádio Municipal Dr. Ronaldo Junqueira a partir das 9h. Os portões abrem às 10h. Crianças até 12 anos têm entrada gratuita, desde que apresentem documentos que comprovem a idade. Estudantes e idosos pagam meia-entrada. Sócio-torcedores têm entrada livre.

Arbitragem
A arbitragem ficará a cargo de William Machado Steffen, com os assistentes Henrique Neu Ribeiro e Eli Alves Sviderski, todos integrantes do quadro de árbitros de Santa Catarina. Além do quarto árbitro Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira e do analista de campo Rogério Pereira da Costa, ambos de Minas Gerais.