Caldense renova parceria com o NBA Basketball School por mais dois anos

Alunos do NBA Basketball School da Caldense (Foto: Renan Muniz / Caldense / Arquivo)

A Caldense renovou o contrato com o programa NBA Basketball School Brasil por mais dois anos e vai continuar oferecendo a metodologia de ensino da maior liga do mundo para seus alunos até o final de 2022.

Lançada em janeiro de 2019, a parceria com o NBA Basketball School trouxe muito benefícios para o clube, cidade e região. “Foi algo histórico para nós, um dos acontecimentos mais importantes do basquete da Caldense. Temos aprendido muito com os cursos de capacitação dos técnicos e treinamentos aos alunos. Além da metodologia em si, que proporciona uma série de reflexões e aprendizados” – comentou Júlio César de Freitas, técnico do basquete.

Ao longo dos últimos dois anos os técnicos e alunos de basquete da Caldense tiveram a oportunidade de manter contato com profissionais de alto nível do universo do basquete. Com palestras/oficinas de técnicos americanos e ex-atletas da NBA, foi possível uma grande integração com outras unidades licenciadas do NBA Basketball School.

“Tem acontecido um intercâmbio muito grande, uma troca de conhecimento entre as unidades. Bem como ações e desafios esportivos. Alguns atletas da Caldense tiveram ainda a oportunidade de comparecer na casa da NBA e na loja da NBA em São Paulo, uma estrutura única” – falou Júlio.

Técnicos de basquete da Caldense durante curso de capacitação

Nos desafios foram promovidas competições de arremessos e habilidades, que motivaram os atletas e geraram interação entre alunos. Durante a pandemia a metodologia ofereceu todo o suporte necessário para os treinos, com atividades remotas e foi realizada uma aula global com participações de alunos de Brasil, Índia e Emirados Árabes, para troca de conhecimento. “A proposta pedagógica através das aulas e treinos online foi bem organizada, com atividades duas vezes por semana. Isso possibilitou que direcionássemos nossas próprias aulas com o know-how adquirido”.

Aconteceram ainda os camps masculinos e femininos, visando o aprofundamento dos atletas com técnicos renomados de outras unidades, nacionais e internacionais. Estava prevista também a realização do primeiro torneio envolvendo todas as unidades, com uma primeira fase regional e outra nacional, adiado por conta da pandemia do COVID-19. Antes disso havia sido realizada a Copa Caldense, quando a Veterana foi a primeira unidade a promover um encontro de unidades, englobando Colégio Bandeirantes, Centro de Treinamento Filipin e RG 13.

“O basquete da Caldense tem crescido a cada ano. A parceria com o NBA Basketball School proporcionou uniformes para melhor organização e padronização dos atletas com material de qualidade, produtos licenciados como pulseiras, bonés, camisetas e moletons. E a tendência é só melhorar nos próximos anos, trazendo contatos, eventos e divulgando ainda mais o nome da Caldense em outras cidades” – finalizou Júlio.

Copa Caldense reuniu unidades licenciadas do programa (Foto: Renan Muniz / Caldense)